@ Phase 108.1

quarta-feira, 23 de dezembro de 2009

LINHAS CRUZADAS #25













ORBITAL & LISA GERRARD

Um improvável encontro entre figuras da electrónica e uma espirituosa nova diva da música para Cinema.
“One Perfect Sunrise” é o encontro entre a electrónica dos ingleses Orbital com a voz da australiana Lisa Gerrard. Encontra-se num mini-álbum com o mesmo nome - “One Perfect Sunrise” - editado em 2004.
Os Orbital são um duo de instrumentistas, os irmãos Phil e Paul Hartnoll. Formaram-se em 1987. Os Orbital, em mais de vinte anos de carreira, abrangeram múltiplas fases, passando do simples techno ao mais sofisticado experimentalismo electrónico.
Lisa Gerrard, uma voz algures vinda do céu, notabilizou-se desde logo através dos Dead Can Dance (em 1979) e, desde há mais de uma década, que mantém uma regular carreira a solo, incluindo numerosas parcerias mas, principalmente, participando em música para cinema, de que são fortes exemplos as bandas-sonoras dos filmes «The Insider», realizado por Michael Mann e «Gladiator», realizado por Ridley Scott.
A ligação de Lisa Gerrard ao mundo do Cinema é cada vez mais forte. Ainda assim, houve uma tournée mundial em 2005 com os Dead Can Dance. Europa e América com concertos completamente esgotados. Um facto de apontava em todos os sentidos para um regresso a tempo inteiro com o grupo australiano, mas tal não viria a suceder, pelo menos por enquanto.
É a solo que Lisa faz o seu actual percurso, cruzado por colaborações como esta ao lado dos Orbital.

DOWNLOAD
Tempo total: 09:45

Crónica originalmente editada em Setembro de 2008

Sem comentários: